Pernambuco.com



Pesquisa personalizada



Publicidade

Dia D de vacinação contra o sarampo será realizado neste sábado em Pernambuco
Redação do DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR
17/06/2011 | 15h04 | Prevenção

Compartilhar no Facebook  Compartilhar no Twitter Enviar por e-mail Imprimir

Dia D de vacinação contra o sarampo será realizado neste sábado em Pernambuco. Imagem: Katharine Nóbrega/DB/D.A Press/Arquivo
Katharine Nóbrega/DB/D.A Press/Arquivo

Assista ao vídeo
Dia D de vacinação contra o sarampo será realizado neste sábado em Pernambuco. Imagens: Ed Wanderley/DP/D.A Press


Uma dose de vacina contra o sarampo custa, aos cofres públicos, R$ 0,35. O tratamento da doença, por outro lado, que, em média, envolve sete dias de internamento, tem o custo de até R$ 1.400. Com o surto da doença em 33 países, em especial na região da Europa, onde se destaca a França, com 4.937 casos confirmados apenas no primeiro trimestre deste ano, os cuidados foram redobrados e, por isso, será realizado, neste sábado, o Dia D da campanha de imunização contra a doença em Pernambuco.

No estado, um dos oito a promover a vacinação, a doença foi erradicada desde 1999, quando 240 casos foram confirmados. Para continuar com o controle, um milhão de doses serão disponibilizadas para 847 mil crianças, com mais de um ano e com menos de sete, e adultos que desejem viajar ao exterior. As doses podem ser recebidas em 2,3 mil postos de saúde espalhados por todo o estado e em pontos de concentração instalados em supermercados, shopping centers e mercados públicos, das 8h às 17h. A abertura oficial da iniciativa será às 9h, na sede da Secretaria Municipal de Saúde de Jaboatão dos Guararapes, com a presença do secretário estadual, Antonio Carlos Figueira.

De acordo com coordenadora de imunização da Secretaria de Saúde, Ana Catarina Melo, a meta para este ano é de imunizar pelo menos 95% das crianças na faixa etária proposta. A última campanha da vacinação, que também imuniza o paciente contra rubéola e caxumba, ocorreu em 2008. “A iniciativa nacional deve acontecer em agosto, mas Pernambuco antecipou porque recebe um grande fluxo turístico nos próximos meses. No Brasil, já há 15 casos confirmados da doença, por isso, é preciso manter as crianças imunes e evitar que o vírus ganhe força”, explica, lembrando ainda que mesmo quem já tomou a vacina antes pode, e deve, ser imunizado novamente, a menos que tenha o registro da primeira vacinação e do reforço, obrigatório para se manter livre da doença.

A coordenadora de prevenção de doenças imunopreveníveis, Ana Antunes, ensina que as mães devem estar atentas a quaisquer sinais da doença. Febre, tosse, conjuntivite e manchas avermelhadas pelo corpo, em especial, começando pela parte de trás das orelhas, podem significar sarampo. “A doença se espalha pela tosse, espirro ou fala de alguém doente, por meio das secreções. Por isso, com a proximidade das férias e a possibilidade tanto de que as famílias viajem quanto de receberem estrangeiros em casa, é preciso estar atento e buscar um médico o mais rápido possível”, explica.

Na ocasião, nos quase 3 mil postos de atendimento no estado, também serão disponibilizadas vacinas contra a poliomielite. A doença da paralisia infantil foi erradicada no país desde a década de 80 e a imunização é importante para que um novo surto não volte a assustar a população. A dona de casa Juliana Thais Lourenço, de 23 anos, aproveitou o dia anterior à campanha para vacinar os dois filhos, Geovana Vitória, de 1 ano e 3 meses, e Pedro Igor, de 2 anos e 5 meses. Dessa forma, ela acabou evitando filas e, de uma só vez, ficou livre de maiores dores de cabeça. “Manter o cartão de vacina atualizado é a forma mais fácil de evitar doença, por isso, venho sempre no posto de saúde”, resume.

Brasil - Além de Pernambuco, participam da iniciativa, neste sábado, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Ceará, Alagoas e Bahia, este último, local mais próximo onde há registro de caso confirmado da doença este ano. Em todos os estados, a imunização é realizada de forma permanente, em qualquer posto de saúde, mas o reforço do estoque e a campanha seguem até o próximo dia 22 de julho, mês em que o Rio de Janeiro recebe os Jogos Mundiais Militares, com a participação, em especial, de europeus, o que exige maiores cuidados com a disseminação do vírus. A meta do Ministério da Saúde é imunizar, pelo menos 95% das 14.148.182 crianças na faixa etária da campanha. O investimento é de R$ 46,6 milhões.

Por Ed Wanderley



Galeria de imagens
Veja a galeria do dia





Mais notícias





Conheça o Pernambuco.com
Últimas | Cidadão repórter | Divirta-se | Promoções | Gastrô | Turismo | Tecnologia | Pernambuco.cão | Mundo Ela | Cadastro | Quem somos
 Diario de Pernambuco | Aqui PE | Clube FM | Rádio Clube AM | TV Clube | Superesportes | Vrum | Lugar Certo | Admite-se
Copyright - Pernambuco.com | todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total do conteúdo desta página sem a prévia autorização | faleconosco@pernambuco.com