Últimas Diversão Comunidade Tecnologia Esportes Turismo Quem Somos
Diario de Pernambuco Canal 9 Radio Caetés Rádio Clube
Edição de Sexta-Feira, 13 de Maio de 2005 
Economia | Empresários apostam em festival
   DIARIO
   Índice Geral
   Expediente
   Ed. Anteriores
   Assinaturas
   Clube DIARIO
   História
   CADERNOS
   Política
   Brasil
   Mundo
   Economia
   Esportes
   Vida Urbana
   Viver
   SUPLEMENTOS
   Revista da TV
   Empregos
   Domingo
   Interior
   Viagem
   Informática
   Carro
   Fim de Semana
   Imóveis
   Saúde
   Diarinho

    SERVIÇOS

   Loterias

ECONOMIA
Empresários apostam em festival
TORITAMA

Clique aqui para ampliar
Segundo maior pólo produtor de jeans do Brasil, o município de Toritama (170 km do Recife) deve fechar 2005 com um incremento de 35% no faturamento da indústria têxtil, que alcançou R$ 600 milhões no ano passado. A 4ªedição do Festival do Jeans, que acontece de 15 a 22 deste mês, é uma das apostas dos empresários do setor para encampar esse crescimento. A expectativa é atrair um público de 400 mil pessoas para o evento, que será distribuído em três frentes: feira de negócios, desfiles de moda e shows artísticos.

  Promovido pela Associação Comercial e Industrial de Toritama (Acit), o festival pretende consolidar a cidade como um pólo de confecção de jeans de alto padrão. Hoje, o município responde por 16% da produção brasileira de índigo, atrás apenas da região do Brás, em São Paulo. As 3 mil empresas instaladas em Toritama fabricam uma média de 2 milhões de peças por mês, gerando 20 mil postos de trabalho.

  "Temos o maior índice de empregabilidade de Pernambuco, depois de Fernando de Noronha, e atualmente cerca de 40% da nossa mão-de-obra é importada dos municípios vizinhos para atender a demanda de produção", comemora o presidente da Acit, Edílson Tavares. O empresário destaca que a atividade do jeans passa por um acelerado processo de formalização nos últimos três anos. "Se em 2002, pelos menos 92% das empresas eram informais, hoje esse índice caiu para 50%".

  Tavares afirma que a formalização é uma condição para se manter no mercado com competitividade. Atualmente, Pernambuco consome cerca de 55% da produção de jeans de Toritama e o restante é comercializada no mercado nordestino.

  O Festival do Jeans, que recebeu um investimento de R$ 800 mil na sua realização, é uma oportunidade de reunir os principais compradores do setor, além dos fornecedores de matéria-prima e tecnologia. Numa área de 12 mil metros quadrados, no Parque das Feiras, o evento terá a presença de 700 lojas, além de 36 estandes na feira de negócios.

Clique aqui e leia os Comentários

 
        Escolha aqui um canal do Pernambuco.com:
quem somos | contato comercial | sua opinião sobre o portal
Copyright - Pernambuco.com | todos os direitos reservados. É proibida a reprodução parcial ou total do conteúdo desta página sem a prévia autorização | faleconosco@pernambuco.com