Edição de Segunda-Feira, 2 de Abril de 2001
 

Início Diario de Pernambuco Diário na História Padre mata bispo em Garanhuns

Cadernos

Política
Brasil
Mundo
Economia
Esportes
Vida Urbana
Viver
 

Suplementos

Revista na TV
Empregos
Viver Mulher
Viagem
Informática
Saúde
Carro
Imóveis
 

Serviços

Assinaturas e Renovações
 
Expediente
 
Edições Anteriores do Diario de Pernambuco




Diário na História

Padre mata bispo em Garanhuns

A tragédia ocorreu no Palácio Episcopal. O vigário de Quipapá desfechou três tiros em Dom Expedito Lopes.

Às 18h30 de ontem, ao ser recebido no Palácio Episcopal de Garanhuns por Dom Francisco Expedito Lopes, bispo daquela diocese, o padre Hosana Siqueira, vigário de Quipapá, alvejou, à queima-roupa, o prelado, atingindo-o com três projéteis. Dois alojaram-se na região torácica esquerda de Dom Francisco, enquanto o terceiro atingiu o braço esquerdo. A reportagem do DIARIO DE PERNAMBUCO ouviu, pelo telefone da Rede Ferroviária do Nordeste, o médico Otoniel Gueiros, do hospital Dom Moura, de Garanhuns, que prestou os socorros de urgência à vítima com os recursos clínicos disponíveis naquela cidade. O dr. Gueiros fez sentir a necessidade de envio, com a maior urgência, para Garanhuns, de um anestesista e um médico cirurgião, para extrair os projéteis que atingiram Dom Francisco Expedito Lopes, tendo citado nominalmente o dr. Hindemburgo Lemos.








 

 
 
Sua Opinião


Copyright 2001 - Pernambuco.com

Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução parcial ou total do conteúdo
desta página sem a prévia autorização.
diario@dpnet.com.br